Lgcta2.gif (7527 bytes)

Rede CTA-UJGOIAS - Consultant, Trader and Adviser
Pelo Desenvolvimento Limpo de um Novo Mercado Financeiro!
Sindicato dos Economistas no Estado de São Paulo
Rede - Sindecon Tel/Fax.: 3107.2035 -
amyra@netdoctors.com.br


02104000001 - Space Commodities - Revista Digital Águaonline - www.aguaonline.com.br - A importância da informação - Por Cecy Oliveira 16/09/00

Space Commodities  -

Revista Digital Águaonline - www.aguaonline.com.br

A importância da informação

Por Cecy Oliveira*

Os resultados da última enquete realizada pela Revista Águaonline sobre o grau de informação dos brasileiros sobre as questões ambientais devem servir de alerta para todos, desde organismos governamentais e entidades ambientalistas, a professores, estudantes, empresários.

Para qualquer um que já tenha entendido a importância cada vez maior que a temática ambiental passa a ter no dia-a-dia de uma nação é frustrante ver que mais de 70% das 1.208 pessoas que participaram da enquete, nas duas semanas em que esteve na web, consideram que os brasileiros têm pouca ou nenhuma informação sobre as questões ambientais. O panorama ainda é mais inquietante se for somado a este total os 23,43% de leitores que reconhecem que muitas pessoas bem informadas não têm uma atitude de respeito ambiental.

Pelo número de e-mails solicitando informações sobre as mais variadas questões ambientais - mais de 1.000 - que recebemos nestes quatro meses de circulação da Revista Águaonline é possível avaliar o grau de avidez por informação qualificada. Muitos deles eram apelos dramáticos após buscas infrutíferas em vários canais, inclusive pela internet, e vindos tanto de crianças do ensino fundamental quanto de profissionais e professores. O que significa dizer que o público quer e precisa de mais informação ambiental, em todas as áreas e sob todas as formas.

Alguns acontecimentos recentes, como as tentativas de mudanças do Código Florestal e os episódios de derramamentos de petróleo - quando as informações disseminadas por fontes oficiais tentaram inicialmente "minimizar" a extensão do danos - e as repercussões negativas desse tipo de conduta parecem indicar que, apesar de tudo, o brasileiro começa a cobrar uma melhor postura ambiental, tanto dos governos quanto das empresas, sejam elas públicas ou privadas.

Neste assunto o exemplo que está dando o órgão ambiental dos Estados Unidos (EPA) merece aplauso. A entidade está promovendo um seminário, via internet, para saber da população como pode ser facilitado o acesso às informações ambientais. A EPA quer não só melhorar a divulgação dos dados e informações que possui como pretende ampliar a utilização do acervo das bibliotecas pela comunidade. Para eles é fundamental que a população seja também a guardiã do patrimônio ambiental da nação. É esse importante papel de agente da preservação ambiental que a população norte-americana está sendo ensinada a exercer.

Vale aqui a máxima do conservacionista senegalês Baba Dioum: "no final conservaremos apenas o que amamos, amaremos apenas o que compreendemos, compreenderemos apenas o que nos for ensinado".

Cecy Oliveira* é jornalista com especialização nas áreas de Saneamento e Meio Ambiente, editora da Revista Digital Águaonline (www.aguaonline.com.br) e representante do Brasil no Comitê de Comunicação da Associação Mundial da Água (IWA).


Consulte o banco de dados da Rede CTA-UJGOIAS
O Universo Jurídico do Estado de Goiás
http://www.ujgoias.com.br - ujgoias@ujgoias.com.br

"A melhor maneira de prever o futuro é criá-lo"    Peter Drucker


Rede CTA-UJGOIAS - Consultant, Trader and Adviser
Pelo Desenvolvimento Limpo de um Novo Mercado Financeiro!
Sindicato dos Economistas, no Estado de São Paulo

amyra@netdoctors.com.br - www.sindecon-esp.org.br

[ Topo ]

UJGOIÁS - O Universo Jurídico