Lgcta2.gif (7527 bytes)

 

Rede CTA-Consultant, Trader and Adviser
Pelo Desenvolvimento Limpo de um Novo Mercado Financeiro!
Sindicato dos Economistas no Estado de São Paulo
Rede - Sindecon Tel/Fax.: 3107.2035 - amyra@netdoctors.com.br


05041000006 - Information Commodities - Dicas Didáticas (6) - Centros de Estudos, Pesquisas, Sites, Cursos, Listas e Prêmios

11/06/00 03:00:22

Information Commodities - Dicas Didáticas (6)

Centros de Estudos, Pesquisas, Sites, Cursos, Listas e Prêmios


Ministério do Meio Ambiente -Secretaria de Desenvolvimento Sustentável

Guia de Boas práticas para o Consumo Sustentável

O Ministério do Meio Ambiente, por meio da Secretaria de Políticas para o Desenvolvimento Sustentável, em esforço conjunto com o Idec - Instituto de Defesa do Consumidor lançaram, hoje, o Guia de Boas Práticas para o Consumo Sustentável. Por enquanto, trata-se de um Guia virtual que, a partir de agora, poderá ser acessado nos sites do MMA "http://www.mma.gov.br", e do Idec "http://www.idec.org.br.

A publicação impressa, em forma de cartilha, deverá acontecer até o final do mês. lustrado com exemplos do cotidiano e práticas que podem ser adotadas diariamente, o Guia traz dicas simples para que o consumidor se posicione como cidadão responsável e ambientalmente preocupado e dê a sua contribuição para minimizar o impacto sobre os recursos ambientais.

Trata-se do primeiro passo a ser dado na execução de um projeto que implicará a criação da Rede de Consumidores pela Sustentabilidade, e que utilizará, além deste, vários instrumentos e formas de comunicação e informação, com o intúito de alterar arrarigados hábitos de consumo insustentáveis, estimulando práticas que sejam
ambientalmente saudáveis.

Allan Milhomens - email: allan.milhomens@mma.gov.br


FONTE D'ÁGUA - www.ces.fau.edu

O que é o Floria Center for Environmental Studies?

Fundado em julho de 1994 pelos Reitores do Sistema Universitário do Estado da Florida, o Centro de Estudos Ambientais foi criado para ser a entidade que "sintetizaria e transferiria o conhecimento... à comunidade em geral". Esse "conhecimento" refere-se ao manejo de problemas dos ecossistemas da Florida e outros ecossistemas dominados por água doce ou estuários, tropicais e sub-tropicais, mundiais.

As diretrizes implícitas na definição do coração intelectual do Centro incluíam a necessidade de ele vir a ser relevante em questões do Estado da Florida, apoiado pelo e compatível com o potencial científico e interesses das instituições participantes, além de ser capaz de atrair apoio financeiro de várias fontes. Resumindo, a missão do Centro precisava promover as responsabilidades do Sistema Universitário Estadual, ser baseado nos pontos fortes e nos interesses de seus professores e pesquisadores, prover os recursos financeiros e intelectuais do Sistema, e desempenhar um papel necessário e singular na identificação e resolução dos problemas ambientais. Além disso, seu foco deveria ser tão amplo a ponto de permitir a participação igualitária das instituições do Sistema Universitário do Estado da Florida, ao mesmo tempo sendo enxuto o suficiente para excluir o que não está dentro de seu escopo.

A Missão do Centro é coletar, analisar e promover o uso de informação estritamente científica, relativa a ecossistemas tropicais e subtropicais de água doce.

Para realizar esta Missão, o Centro:

Promoverá e coordenará pesquisa em processos naturais de ecossistemas tropicais e subtropicais de água doce e em processos de tomada de decisão que afetem esses sistemas.

Oferecerá apoio a pesquisa, promoverá o interesse de patrocinadores e estimulará a criação de uma agenda de pesquisa internacional para ecossistemas tropicais e subtropicais de água doce.

Oferecerá um inventório interativo de interesses, atividades e potenciais dos cientistas, administradores e outras instituições de pesquisa, que afetam ou se preocupam com sistemas tropicais de água doce.

Disponibilizará informações úteis, via publicações periódicas, conferências científicas e um Jornal interativo.

Organizará e apoiará diálogos sobre políticas envolvendo tomadores de decisão, administradores de recursos, cientistas e aqueles com interesse econômico em recursos de água doce, tropicais e subtropicais.

Periodicamente, avaliará e relatará o status do Everglades e outros ecossistemas de água doce tropicais e subtropicais selecionados, e sistematicamente analisará a efetividade das intervenções de manejo.

REDE INTERAMERICANA DE RECURSOS HÍDRICOS - RIRH
www.iwrn.net e www.waterweb.org

Maria do Carmo Zinato email: fontedagua@centauri.ces.fau.edu


Repórter ECO

Vai a Hannover e visita a Expo 2000

Uma equipe do REPÓRTER ECO da TV Cultura viaja neste final de semana para Hannover, na Alemanha, e visita a Expo 2000. A feira, iniciada em 1º de junho, reúne 171 países e tem como temas a natureza, o homem, e a tecnologia. Durante 10 dias, a equipe do programa vai produzir quatro matérias, cada uma com um tema diferente. Além disso, será realizado também um especial sobre o evento. Todo este material deve ir ao ar em julho.

Divulgado por Fábio email: ass.imp@tvcultura.com.br

Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente - PNUMA

Projeto GEO Juvenil para América Latina e Caribe

A Oficina Regional para América Latina e Caribe do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente apresentam:

Minha Terra, Meu Mundo GEO Juvenil Para América Latina e Caribe PNUMA - Preparando a edição juvenil do informe do PNUMA Perspectivas do Meio Ambiente Mundial GEO

Alguma vez você já se perguntou: quais são as condições ambientais nas quais se encontra a nossa região? Você sabe quais são os ecossistemas mais deteriorados ou as espécies animais em perigo de extinção? Você gostaria que sua voz fosse escutada por governos e organizações internacionais ? Se sua resposta for sim, então isto te interessa...

Junte-se ao Projeto "GEO Juvenil para América Latina e Caribe"! O que é GEO Juvenil para América Latina e Caribe? O Programa das Nações Unidas para Meio Ambiente (PNUMA), junto com várias organizações ambientalistas está preparando o projeto "GEO Juvenil para América Latina e Caribe".

O projeto está baseado em um documento do PNUMA "Perspectivas do Meio Ambiente Mundial" (GEO, por suas siglas em inglês), particularmente no informe GEO 2000, lançado em setembro de 1999. Os documentos compreendem uma extensa avaliação - região por região - sobre distintos assuntos ambientais, os problemas mais graves que ameaçam os nossos países, e incluem também os avanços na gestão da problemática ambiental. O projeto também segue o êxito de Pachamama, o GEO mundial para a juventude.

O objetivo principal do projeto GEO para a Juventude da América Latina e Caribe é oferecer aos jovens a oportunidade de criar sua própria edição de GEO. O projeto oferece a oportunidade real de discutir suas preocupações sobre a situação do meio ambiente de sua região. E também de expor suas perspectivas sobre as políticas ambientalistas e abordar temas que enfrentaremos no futuro.

O Processo: Participativo

O projeto GEO Juvenil convidará você e outros jovens a identificar as problemáticas ambientais específicas da América Latina e Caribe. Os jovens poderão compartilhar e trocar idéias, assim como comunicar suas preocupações aos demais jovens da região , mediante iniciativas próprias, tratar de encontrar soluções e planos de ação para suas comunidades.

Unindo-se a esse projeto, você receberá um livro de trabalho que explicará detalhadamente os passos a seguir para a criação do informe GEO Juvenil. Gostaríamos de saber algo sobre sua comunidade, seu estado, seu país. Quais são suas preocupações principais? O que desejaria que fosse diferente?

Gostaríamos que você nos enviasse descrições detalhadas, ilustrações, fotografias, estudos de caso, informes breves, poemas, etc. As pessoas ou grupos com as mais notáveis contribuições neste processo serão convidados para as juntas editoriais onde se decidirá conjuntamente a estrutura, o conteúdo e o desenho do informe.

O Propósito: Pro-ativo

Ao realizar o projeto GEO Juvenil para América Latina e Caribe esperamos:

? promover o diálogo entre os jovens da região e despertar a consciência ambiental dos participantes;

? abrir um fórum de discussões no qual seja possível trocar idéias e tratar de temas ambientais com outros jovens;

? oferecer um espaço aos jovens no qual possam apresentar suas idéias acerca das políticas ambientais que os governos estão tomando atualmente;

? mobilizar os jovens para participarem ativamente na elaboração do informe "GEO Juvenil para América Latina e Caribe".

O Produto: Concreto

O resultado final do projeto será uma publicação do GEO Juvenil para a região. Nele estarão incluídas as diversas opiniões e experiências dos jovens sobre o estado do meio ambiente na mesma. Esta publicação representará a voz dos jovens da América Latina e Caribe. Contribua com a sua!

Quem pode participar?

Jovens entre os 15 e os 25 anos, residentes na região da América Latina e Caribe, com interesse em temas ambientais.

Como participar?

Para registrar-se no projeto, simplesmente envie o formulário de registro que acompanha este folheto por correio ou fax; ou registre-se eletronicamente na nossa página na Internet www.rolac.unep.mx/geoyouth/ e você receberá uma confirmação de participação e o material do projeto.

Poema Mühlenberg - Coordenadora Nacional -

e-mail: poema@ipam-df.org.br ou poema@sede.ibama.gov.br (61)3161339 - fax: (61)2250564 - (61) 9985-8199

Divulgado por Joelma Cavalcante email: jorj@gbl.com.br


Lista Terceiro Setor email: terceiro-setor@widesoft.com.br

Lista AMBIENTE-ES

Acaba de ser criada

As dificuldades encontradas por muitos de nós quanto a comunicação sobre fatos ambientais ocorridos ou por acontecer podem ser melhor discutidos e difundidos a partir de agora.

Acaba de ser criada a Lista AMBIENTE-ES com o propósito de proporcionar um melhor intercâmbio a todos que possuem acesso à Internet, para que possam estar discutindo, divulgando, sugerindo, criticando, propondo, corrigindo, convidando outros, enfim, ampliando e democratizando um espaço de participação para os subsídios de uma política pública de meio ambiente para o Espírito Santo. Sabemos que os desencontros de informações, e isso não é por acaso, tem contribuído em muito para este quadro de desencontros e pouca participação.

A Lista AMBIENTE-ES, semelhante a muitas já existentes, tem suas regras igual a todas as outras listas abertas. Pode se inscrever ( subscribe ) qualquer pessoa que deseje estar discutindo ou recebendo notícias e informações sobre as atividades relacionadas com Meio Ambiente, preferencialmente relacionados ao Estado do Espírito Santo, pois, para assuntos de abrangência maior, existem outras Listas.

COMO FAZER PARA SE INSCREVER ? (dicas para quem nunca participou de uma lista)

Envie mensagem para ambiente-es@egroups.com contendo no campo da mensagem apenas a palavra - subscribe.

Sua inscrição será automática e caso queira sair da lista é só enviar

mensagem para: ambiente-es-unsubscribe@eGroups.com sem necessidade de qualquer outro texto.

Sejam bem vindos e bom proveito.

Sebastião Francisco Alves - Tel: 27-325.1250 Cel: 27-973.1250
E-mail: sfalves@escelsa.com.br


O Natureza Viva de Maio/2000

Dia Mundial do Meio Ambiente

Está no site à www.muranet.com.br/cdpema , no link da opção em português. Estamos enviando nossa edição extra, com 10 pags e 161KB, para comemoração do DIA MUNDIAL DO MEIO AMBIENTE 05/06. Veja no jornal de Maio, (no site), toda a trajetória da proposta polêmica de alteração do Código Florestal. e muito mais informações. A luta ainda não acabou. PARTICIPE. mexa-se.

Carlos Alberto Arraes - CDPEMA email: cdpema@muranet.com.br


Fundação Florestal/ SAM-SP

Boletim Dicas de Ecoturismo

Conheça o "Dicas de Ecoturismo" - boletim produzido pelo "Programa de Ecoturismo" - GDS/DO - Fundação Florestal / SMA - SP - como apoio à Secretaria Estadual do Meio Ambiente (São Paulo) e, em especial, ao Instituto Florestal. Busca prestar informações ao ecoturista, às agências e às operadoras de ecoturismo e educação ambiental.

Dê também a sua dica

Se você tem alguma novidade, discussão técnica ou notícia que acha importante divulgar, envie para nativas@fflorestal.sp.gov.br que ela será analisada e editada para publicação neste boletim

Produzido por "Programa de Ecoturismo - GDS/DO//FF/SMA-SP"

Paul Dale, Juliana Souza e Elisabeth Sloniewski

(11) 6232 4333 ramal 266 - nativas@fflorestal.sp.gov.br


Associação para Proteção Ambiental de São Carlos

Prêmio Chico Mendes do Meio Ambiente

A Câmara Municipal de São Carlos, através de Projeto-de-Lei do Vereador Lineu Navarro, criou o Prêmio Chico Mendes do Meio Ambiente, que deve ser entregue todo ano no Dia Mundial do Meio Ambiente ( 05/06) para pessoas ou entidades que se destacam na defesa do meio ambiente. A APASC teve a honra de ser a primeira entidade a ser homenageada e deverá receber este prêmio nesta próxmia segunda-feira ( 05 de junho ) em sessão solene na Câmara Municipal de São Carlos. O coral das crianças da Escola Municipal Maria Silvia Emantina, apresentarão para ilustrar a ocasião, músícas ecológicas. Logo após a cerimônia de entregue do Prêmio Chico Mendes, teremos a Mesa Redonda sobre Fiscalização Ambiental: A Situação Ambiental der São Carlos com a presença da CETESB, DEPRN, MP, Policia Florestal e Secretaria de Agricultura Abastecimento e Meio Ambiente.

Contamos com sua presença para comemorarmos este prêmio que é um estímulo e um reconhecimento por um trabalho de 23 anos de dedicação voluntária apenas em "nome do amor à natureza".

Paulo Mancini

APASC- Associação para Proteção Ambiental de São Carlos
Rua Riachuelo, 931 Caixa Postal 596 CEP 13560-970 São Carlos- SP
Tel.: (0xx16) 274 2653 Visite nossa página www.apasc.org.br


Site da Polícia Florestal de Governador Valadares - MG

Consulte o site da Polícia Florestal de Governador Valadares - www.policiaflorestal1.mg.gov.br

Paulo Célio de Figueiredo - Mov. Pró Rio Doce email: catatau1@uol.com.br


Site Reciclagem - www.sucatas.com

Site www.sucatas.com links que abordam temas sobre meio ambiente, reciclagem e outros que julgarmos interessantes estarem nosso site. Propomos estudar troca de links (URL).

Clóvis Marcondes email: sucatas@uol.com.br

Dilvulgado por Gota d'Água email: jarmuth@byteland.com.br


IPÊ-Instituto de Pesquisas Ecológicas

Curso Latino Americando em biologia da conservação e manejo da vida silvestre (Brazil)

http://www.wpti.org/ipe.htm

6 de Novembro a 8 Dezembro, 2000

O Curso Latino-Americano em Biologia da Conservação e Manejo da Vida Silvestre, será ministrado pelo IPÊ-Instituto de Pesquisas Ecológicas em parceria com a Smithsonian Institution - USA, e o apoio do Instituto Florestal de São Paulo. O curso será oferecido em português e sua parte introdutória será realizada no Centro Brasileiro de Biologia da Conservação, de propriedade do IPÊ, localizado no Município de Nazaré Paulista, próximo a cidade se São Paulo. Grande parte de seu conteúdo será conduzido no Parque Estadual do Morro do Diabo, localizado no Pontal do Paranapanema, oeste do Estado de São Paulo. Instrutores com experiência nos temas conduzirão aulas teóricas e exercícios de campo em aspectos relevantes em biologia da conservação e manejo da vida silvestre. Pesquisadores com pesquisas específicas na conservação da biodiversidade brasileira apresentarão palestras sobre os resultados e a aplicação de suas pesquisas. Maiores informações:

Mr. Laury Cullen Jr. - Conservation Biologist, M.Sc. - IPÊ- Instituto de Pesquisas - Ecológicas - Email: HomePage: http://www.wpti.org/ipe.htm - email: lcullen@stetnet.com.br


"A melhor maneira de prever o futuro é criá-lo"     Peter Drucker

[ Topo ]

UJGOIÁS - O Universo Jurídico