Lgcta2.gif (7527 bytes)

 

Rede CTA-Consultant, Trader and Adviser
Pelo Desenvolvimento Limpo de um Novo Mercado Financeiro!
Sindicato dos Economistas no Estado de São Paulo
Rede - Sindecon Tel/Fax.: 3107.2035 - amyra@netdoctors.com.br


05045000001 - Information Commodities - Paraná x - PADEC- Programa de Apoio ao Desenvolvimento de Certificação  - Fundação de Pesquisas Florestais do Paraná- FUPEF

Information Commodities - Curitiba - Paraná

Fundação de Pesquisas Florestais do Paraná- FUPEF

PADEC- Programa de Apoio ao Desenvolvimento de Certificação 

A Fundação de Pesquisas Florestais do Paraná (FUPEF) em convênio com a Universidade Federal do Paraná que vem acompanhando o desenvolvimento do setor florestal no Brasil e no Mundo, as novas tecnologias de formação e processamento da matéria-prima e também, as novas tendências de mercado e produção, lança neste momento o seu Programa de Apoio ao Desenvolvimento da Certificação (PADEC).

Com base nas novas tendências e exigências de mercado e na necessidade por profissionais capazes, a FUPEF desenvolveu o Programa de Apoio ao Desenvolvimento da Certificação, que visa atender a forte demanda por produtos florestais certificados, através da capacitação das industriais e formação de profissionais aptos a implantar os Princípios e Critérios da Certificação.

Missão

Contribuir com o desenvolvimento do setor e das indústrias dentro das novas exigências sociais, ambientais e econômicas através de apoio às empresas florestais para a sua adequação e formação de profissionais, garantindo os novos princípios da sustentabilidade e perpetuação de seus recursos.

OBJETIVOS

Com o objetivo de atender as atuais necessidades das indústrias do setor florestal nacional e o internacional, este programa visa apoiar e capacitar empresas e profissionais à preparação das atividades empresariais para o atendimento às conformidades das novas políticas de mercados e conceitos gerenciais.

JUSTIFICATIVA

A atual situação do mercado vem estabelecendo uma nova visão e forma de gerenciamento dos recursos da empresa, onde novas exigências ambientais, sociais, econômicas e políticas devem ser incorporadas nos processos produtivos das indústrias e na geração da matéria-prima de origem florestal. Estas demandas fizeram com que surgisse o programa de Certificação Florestal, buscando garantir a origem da matéria-prima e o seu processamento.

A certificação florestal atinge o mundo todo, exigindo dos plantadores de florestas e produtores de madeiras que se adeqüem às Leis Ambientais, Sociais e Econômicas vigentes em seus países e aos tratados e acordos internacionais.

Esta adequação exige das empresas ações imediatas que garantam a sustentabilidade da produção, a preservação e conservação dos recursos naturais e condições justas de trabalho e desenvolvimento ao seus colaboradores. Estas necessidades fazem com que as empresas repensem suas atividades gerenciais, administrativas e operacionais.

Desta forma as empresas devem adequar-se o mais breve possível, pois os mercados internacionais (Alemanha, Holanda, Inglaterra, EUA etc.) definiram e estão definindo as datas limites de aceitação a produtos de origem florestal sem certificação. Da mesma maneira, o mercado nacional de forma direta ou indireta começa a exigir das empresas o atendimento e compromisso aos Princípios e Critérios da Certificação Florestal. Assim, o Programa de Apoio ao Desenvolvimento da Certificação, visa orientar, atender e preparar as empresas florestais nacionais e profissionais da área.

Por este motivo, e consciente do seu papel na capacitação e preparo das empresas e formação de profissionais aptos a cumprirem com as necessidades e exigências da produção florestal, este Programa espera poder facilitar às empresas a obtenção da certificação florestal.

PLANO DE AÇÃO

O plano de ação deste programa consiste em atuar junto aos profissionais e empresas do setor florestal, como também buscar apoios e parcerias com entidades científicas, técnicas, políticas e financeiras a fim de difundir e tornar de conhecimento público e geral o entendimento do processo de Certificação Florestal em suas diversas fases.

Então, para atingir os seus objetivos, este programa está dividido em duas partes: i) capacitação e formação e ii) desenvolvimento de parcerias e políticas. Tendo como base:

Sendo estabelecido inicialmente para um período de cinco anos. Quando serão desenvolvidas as seguintes ações:

PARTE I ) CAPACITAÇÃO E FORMAÇÃO

Seminário sobre Capacitação Empresarial para a Certificação Florestal

Objetivos do Curso:

Capacitar a empresa de base florestal para a certificação, apresentando-lhes as diretrizes primárias para a obtenção da conformidade aos Princípios e Critérios e dando-lhes noções básicas dos passos a serem executados para a sua preparação ao Bom Manejo e a Cadeia de Custódia.

Curso de Capacitação de Profissionais para a Certificação Florestal

Objetivos do Curso:

Capacitar e formar profissionais aptos para desenvolverem e coordenarem a implantação dos Princípios e Critérios do FSC, atendendo as necessidades do Programa de Certificação Florestal e desenvolver análise e sugestões aos Princípios e Critérios Regionais do FSC para o Brasil, a ser enviado ao grupo do Brasil.

Curso de Apoio à Formação Acadêmica de Futuros Profissionais

Objetivos do Curso:

Auxiliar a formação de futuros profissionais das áreas ambientais, sociais, políticas e econômicas, dando-lhes conhecimento e informações sobre as novas necessidades gerenciais para elaboração, implantação e execução da certificação florestal.

Reuniões Técnicas

Objetivos do Curso:

Promover encontros e reuniões para discussão dos padrões regionais dos Princípios e Critérios da certificação Florestal, buscando a participação dos diversos atores do processo, como por exemplo: FSC, agências certificadoras, instituições privadas e públicas, ONG's, órgãos de pesquisa e outros.

Curso de Auditores

Objetivos do Curso:

Formar profissionais aptos para aplicarem os Princípios e Critérios do FSC durante os trabalhos de qualificação total da empresa (Auditoria externa), desenvolvendo análises, avaliações e diagnósticos das empresas ao atendimento das conformidades ao FSC.

Elaboração de Material Informativo e Técnico/Científico:

A cada semestre de atividades serão elaborados trabalhos e artigos técnico/científicos que possam auxiliar no processo de entendimento e esclarecimento da certificação.

Também serão elaboradas apostilas e material de apoio ao desenvolvimento dos cursos de capacitação profissional e empresarial.

PARTE II ) DESENVOLVIMENTO DE PARCERIAS E POLÍTICAS

FSC  (Conselho de Manejo Florestal)

Agências de Auditagem (Imaflora, SGS, SCS…)

Checagem dos P&Cs - Empresas, Indústrias, Comunidades,   Propriedades Rurais, Associações, Cooperativas…

Aplicação dos P&CsPADEC (FUPEF)

Equipe de Coordenação:

Prof. Dr. João Carlos Garzel Leodoro da Silva -Prof. Dr. Carlos Roberto Sanquetta - Eng. Ftal. Marcelo Langer - M. Sc.

CONVITE

REUNIÃO TÉCNICA DOS PRINCÍPIOS E CRITÉRIOS REGIONAIS PARA FLORESTAS PLANTADAS NO BRASIL

A Fundação de Pesquisas Florestais do Paraná (FUPEF) em seu Programa de Apoio ao Desenvolvimento da Certificação (PADEC) em conjunto à comissão organizadora do evento "Comemoração dos 40 anos de Engenharia Florestal no Brasil e o Grupo de Trabalho do Conselho de Manejo Florestal do Brasil (GTFSC-Br) tem a imensa satisfação de convidá-lo a tomar parte da Reunião Técnica Dos Princípios e Critérios Regionais para Florestas Plantadas no Brasil, que acontecerá no dia 01 de junho deste corrente ano das 09:00 às 18:00 horas, nas dependências do novo prédio do curso de Engenharia Florestal da Universidade Federal do Paraná.

Esta reunião tem como objetivo a leitura e debate dos Princípios e Critérios do FSC - padrões regionais para florestas plantadas (versão 5.3), visando levar ao conhecimento das partes envolvidas neste processo e que de forma direta ou indireta sofrerão influência deste documento. Portanto, esta reunião vem oferecer aos senhores a oportunidade de integrar-se ao processo e manifestar suas opiniões favoráveis ou não ao documento.

E por entender que, o valor e a aplicação efetiva deste documento só será completa, se houver a participação de todos os setores envolvidos na cadeia produtiva das florestas, reinteramos nossas estimas em sua participação nesta reunião e solicitação a sua confirmação o mais breve possível.

Participantes:

Empresas do setor florestal, profissionais, instituições privadas e públicas, ONG's, associações e sindicatos

Programa:

DIA 01 de junho

09:00- 09:30 h. Apresentação dos objetivos da Reunião.

09:30 - 10:30 h. Leitura dos Padrões Regionais para a Certificação das Plantações - Princípios 1 a 4 do FSC. Sandra Faillace / Rubens Bohr /

10:30 - 11:00 h. Debate e discussão sobre os padrões apresentados.

11:00 - 11:15 h. Coffee Break

11:15 - 12:15 h. Leitura dos Padrões regionais para a Certificação das Plantações - Princípios 5, 6 e 9 do FSC. Aurea Nardelli

12:15 - 12:45 h. Debate e discussão sobre os padrões apresentados.

12:45 - 14:45 h. Intervalo para Almoço.

14:45 - 15:45 h. Leitura dos Padrões regionais para a Certificação das Plantações - Princípios 7,8 e 10. Roberto Bauch

15:45 - 16:15 h. Debate e discussão sobre os padrões apresentados.

16:15 - 16:30 h. Coffee Break

16:30 - 18:00 h. Conclusões e encerramento. 

Local: Universidade Federal do Paraná

Rua Lothário Meissner, 3400 Campus III Jardim Botânico 80210 - 170 Curitiba PR. Fone: (0xx41) 360.4222 / Fax: 360.4221

MAIORES INFORMAÇÕES

FUPEF - Rua Lothário Meissner, 3400 - Jardim Botânico - CEP 80210-170

Curitiba PR. Fone: 0xx41 360.4222 Fax: 0xx41 360.4221

Email: fupef@floresta.ufpr.br / padec@floresta.ufpr.br

Homepage: www.floresta.ufpr.br

"A melhor maneira de prever o futuro é criá-lo"     Peter Drucker

[ Topo ]

UJGOIÁS - O Universo Jurídico